HARAS SANTA RITA DA SERRA - BRASIL

HARAS SANTA RITA DA SERRA - BRASIL
HARAS SANTA RITA DA SERRA - CLIQUE NA FOTO PARA CONHECER NOSSO PROJETO

HARAS REGINA

HARAS REGINA
HARAS REGINA - CLIQUE NA FOTO PARA CONHECER NOSSO PROJETO

HARAS FIGUEIRA DO LAGO

HARAS FIGUEIRA DO LAGO
HARAS FIGUEIRA DO LAGO - São Miguel, São Paulo

STUD H & R

STUD H & R
STUD H & R - TOQUE NA FOTO PARA VER UM UM GP. BRASIL QUE VAI FICAR NA HISTÓRIA

HARAS SANTA MARIA DE ARARAS

HARAS SANTA MARIA DE ARARAS
AEROSOL, MESMO DEVOLVIDO PROVOU SER CRAQUE: TOQUE NA FOTOGRAFIA E VENHA CONHECER O BERÇO DE CAMPEÕES

HARAS SANTA TEREZA DO BOM RETIRO

HARAS SANTA TEREZA DO BOM RETIRO
ONDE A VELOCIDADE IMPERA - CLIQUE NA FOTO PARA CONHECER NOSSO PROJETO

HARAS NIJU

HARAS NIJU
toque na foto para conhecer nosso projeto

HARAS SANTA LUZIA DA ÁGUA BRANCA

HARAS SANTA LUZIA DA ÁGUA BRANCA
HARAS SANTA LUZIA DA ÁGUA BRANCA: VENCEDORES INTERNACIONAIS EM TRÊS CONTINENTES

albatroz bloodstock agency, Inc.

albatroz bloodstock agency, Inc.
albatrozusa@yahoo.com

domingo, 12 de junho de 2016

PONTO CEGO: A VENDAS DE POTROS NO BRASIL - PRIMEIRA PARTE



Em época de leilões as noticias chegam a vocês por meu intermédio um pouco atrasadas, mas espero pela compreensão de todos. Tenho que estar focado no investimento de meus clientes, pois é deles que vem o  eu sustento. Apenas a titulo de ilustração, quero deixar claro que as fotos que irão aparecer nesta nota são da Karol Loureiro que nos ajuda - nós da Black Opal - a montar nossa equipe de potros mais competitiva.

Acredito que a temporada de venda de potros no Brasil, está praticamente extinta. Foi longa, mas valeu a pena. Longa, pois, para mim ele começou em Outibro do ano passado quando fiz a minha primeira visita a Bagé e ao Paraná, e lá descobri que a geração masculina do Araras e a feminina do Fronteira talvez fossem o foco futuro de minhas futurasinversões.

Cavalos mudam, mas quando você os examina, antes que os mesmos sejam "preparados" para as vendas, você tem aparentemente uma chance maior de examinar aquilo que realmente aquele cavalo ºe. As viditas posteriores em janeiro e Março, e o cheque final as vésperas das vendas, apenas corroboram se houve mudanças significativas nos potros,




Um bom haras sabe maquiar, e algo que você examinou em Outubro, e pouco lhe agradou, já na visita de Março tem uma cara bem mais convidativa. Seria a maquigem? Era ele um animal de tardio desenvolvimento fisico? Sua experiência ditará a resposta final. Mas ela só será completa se o seu trabalho tiver inicio em Outubro, para você ter o senso comparativo.

Aqueles que tem o inicio de sua preparação em Março levam a minha preferência, pois, gosto de cavalos criados soltos. Afinal, querendo ou não, potros são meninos grandes que como humanos necessitam crescer recebendo sol, e convivendo com os outros. O contato diário nos piquetes com seus similares, os fazem ser mais competitivos. O criado nos jardim de sua casa, podem chegar lá, afonal o craque já nasce craque, no  momento que o útero da sua mãe fertiliza o semen de seu pai, mas eu tenho minhas dúvidas, com aqueles de foram maquiados ou criados em uma redoma.






Nós da Black Opal selecionamos oito elementos e só deixamos de comprar um. Logo, compramos o que achamos melhor para nossos interesses e passa a ser minha a responsabilidade dos bons e dos maus em pista. Dentro de um mercado, que tem me brindado nestes ultimos cinco anos com joias como Belo Acteon, Famous Acteon, Estrela Monarchos, Giulia e English Major, espero apenas que o olho não tenha me traído.

Volto a afirmar aquilo que nunca deixei de afirmar. Nossa qualidade criação é de primeiro mundo. Fisicamente nossa produção nada deve a ninguém. Pecamos pela genética, já que nossa condições financeiras em parte devem ser responsabilizadas. O restante fica pela falta de conhecimento de alguns criadores nas tecnicas de cruzamento,