HARAS SANTA RITA DA SERRA - BRASIL

HARAS SANTA RITA DA SERRA - BRASIL
HARAS SANTA RITA DA SERRA - CLIQUE NA FOTO PARA CONHECER NOSSO PROJETO

HARAS REGINA

HARAS REGINA
HARAS REGINA - CLIQUE NA FOTO PARA CONHECER NOSSO PROJETO

HARAS FIGUEIRA DO LAGO

HARAS FIGUEIRA DO LAGO
HARAS FIGUEIRA DO LAGO - São Miguel, São Paulo

STUD H & R

STUD H & R
STUD H & R - TOQUE NA FOTO PARA VER UM UM GP. BRASIL QUE VAI FICAR NA HISTÓRIA

HARAS SANTA MARIA DE ARARAS

HARAS SANTA MARIA DE ARARAS
AEROSOL, MESMO DEVOLVIDO PROVOU SER CRAQUE: TOQUE NA FOTOGRAFIA E VENHA CONHECER O BERÇO DE CAMPEÕES

HARAS SANTA TEREZA DO BOM RETIRO

HARAS SANTA TEREZA DO BOM RETIRO
ONDE A VELOCIDADE IMPERA - CLIQUE NA FOTO PARA CONHECER NOSSO PROJETO

HARAS NIJU

HARAS NIJU
toque na foto para conhecer nosso projeto

HARAS SANTA LUZIA DA ÁGUA BRANCA

HARAS SANTA LUZIA DA ÁGUA BRANCA
HARAS SANTA LUZIA DA ÁGUA BRANCA: VENCEDORES INTERNACIONAIS EM TRÊS CONTINENTES

albatroz bloodstock agency, Inc.

albatroz bloodstock agency, Inc.
albatrozusa@yahoo.com

sábado, 4 de junho de 2016

PEQUENO PAPO DE BOTEQUIM: UM OAKS QUE NÃO PODE SER APENAS CREDITADO A GALILEO


Como definir classe? Quem acompanha meus escritos, sabe que já fiz esta pergunta, só aqui neste blog, mais de uma centena de vezes. E até hoje não obtive uma resposta que pudesse de uma vez por todas definir este atributo.

Pois bem, o que Miding fez ontem no Oaks, é um exemplo em imagem, do que pode ser definido por classe. Ela que perdeu um Irish One Thousand Guineos, depois de lutar 500 metros com uma outsider, desta feita corrida junto aos paus na quinta colocação, quando adentrou a reta tentou uma passagem, que simplesmente não apareceu. Moral da história, além de ser violentamente sofreada, se viu momentaneamente fora de combate. Todavia, isto não a impediu de subir nos curvilhões alheios e assim cair para a última colocação. Parecia riscada do mapa.

Ryan Moore, juntou os pedaços e acionou imediatamente a filha de Galileo, que voltou a correr com aquela gana que lhe é conhecida e com poucas dezenas de pulos, voltou a ponta, ganhando com imensa sobriedade, requinte e classe.

Isto pode ser entendido como uma demonstração de superioridade apenas. Porém, eu acho que muito tem a ver com classe, também. No momento em que muitas murchariam as orelhas, ela ao contrário, as empinou e com fumaça saindo das narinas, veio conquistar seu trono no peito e na raça.

Meus amigos, não era uma corrida qualquer. era o Oaks. A segunda colocada, brilhantemente dirigida por Dettori, chegou a 1 ¾  corpos. A terceira a 9. A quarta a 25, e o restante das outras cinco, espalhadas pela pista. Desculpe, mas se isto não foi uma demonstração de classe, não sei como melhor definir.

Foi sua quinta vitória em sua oitava apresentação. Trata-se de uma filha de Galileo em mãe Danehill Dancer, que apenas vem a reforçar a imagem de um nick que se forma na cabeça de muitos: Sadlers Wells x Danehill.

Sua mãe, ganhadora de grupo 1 Lillie Langtry, tem uma estrutura genética sólida, pois além de seu pai ter sido um champion 2yo, seu avô Darshaan ganhou o derby Francês, o pai de sua segunda mãe Shadeed, ganhou o Two Thousand Guineas e o pai de sua terceira mãe, Lorenzaccio é aquele que bateu a Nijinsky no Champion Stakes.

O segmento materno, não é forte, mas a estrutura genética o é, e embora houvessem duvidas infundadas a respeito de sua stamina, ela provou que até os 2,400 metros, é simplesmente sublime.