HARAS SANTA RITA DA SERRA - BRASIL

HARAS SANTA RITA DA SERRA - BRASIL
HARAS SANTA RITA DA SERRA - CLIQUE NA FOTO PARA CONHECER NOSSO PROJETO

HARAS REGINA

HARAS REGINA
HARAS REGINA - CLIQUE NA FOTO PARA CONHECER NOSSO PROJETO

HARAS FIGUEIRA DO LAGO

HARAS FIGUEIRA DO LAGO
HARAS FIGUEIRA DO LAGO - São Miguel, São Paulo

STUD H & R

STUD H & R
STUD H & R - TOQUE NA FOTO PARA VER UM UM GP. BRASIL QUE VAI FICAR NA HISTÓRIA

HARAS SANTA MARIA DE ARARAS

HARAS SANTA MARIA DE ARARAS
AEROSOL, MESMO DEVOLVIDO PROVOU SER CRAQUE: TOQUE NA FOTOGRAFIA E VENHA CONHECER O BERÇO DE CAMPEÕES

HARAS SANTA TEREZA DO BOM RETIRO

HARAS SANTA TEREZA DO BOM RETIRO
ONDE A VELOCIDADE IMPERA - CLIQUE NA FOTO PARA CONHECER NOSSO PROJETO

HARAS NIJU

HARAS NIJU
toque na foto para conhecer nosso projeto

HARAS SANTA LUZIA DA ÁGUA BRANCA

HARAS SANTA LUZIA DA ÁGUA BRANCA
HARAS SANTA LUZIA DA ÁGUA BRANCA: VENCEDORES INTERNACIONAIS EM TRÊS CONTINENTES

albatroz bloodstock agency, Inc.

albatroz bloodstock agency, Inc.
albatrozusa@yahoo.com

quarta-feira, 13 de julho de 2016

A LINHA 1

Não são apenas as tribos que perecem. As familias igualmente entram num período de ibernação.

Quando Bruce Lowe estabeleceu seu trabalho, catalogando as familias existentes no turfe inglês, com números e letras, a chamada linha A, era a principal fonte de transmissão de classicismo europeu. Hoje ao examinar as linhas maternas responsaveis por individuais ganhadores de grupo, verificaremos que Três segmentos da 1, estão inativos até o presente momento: 1-f, 1-j e 1-r.

Estariam elas em extinção? Dificil de se acreditar principalmente a 1-j de Helen Horne, que durante alguns anos foi um artífice na produção de elementos clássicos. Mas a verdade, nua e crua, é que estes três segmentos se mostram inativos, na esfera máxima das provas de grupo. E na dúvida, sempre pule fora!