HARAS SANTA RITA DA SERRA - BRASIL

HARAS SANTA RITA DA SERRA - BRASIL
HARAS SANTA RITA DA SERRA - CLIQUE NA FOTO PARA CONHECER NOSSO PROJETO

HARAS REGINA

HARAS REGINA
HARAS REGINA - CLIQUE NA FOTO PARA CONHECER NOSSO PROJETO

HARAS FIGUEIRA DO LAGO

HARAS FIGUEIRA DO LAGO
HARAS FIGUEIRA DO LAGO - São Miguel, São Paulo

STUD H & R

STUD H & R
STUD H & R - TOQUE NA FOTO PARA VER UM UM GP. BRASIL QUE VAI FICAR NA HISTÓRIA

HARAS SANTA MARIA DE ARARAS

HARAS SANTA MARIA DE ARARAS
AEROSOL, MESMO DEVOLVIDO PROVOU SER CRAQUE: TOQUE NA FOTOGRAFIA E VENHA CONHECER O BERÇO DE CAMPEÕES

HARAS SANTA TEREZA DO BOM RETIRO

HARAS SANTA TEREZA DO BOM RETIRO
ONDE A VELOCIDADE IMPERA - CLIQUE NA FOTO PARA CONHECER NOSSO PROJETO

HARAS NIJU

HARAS NIJU
toque na foto para conhecer nosso projeto

HARAS SANTA LUZIA DA ÁGUA BRANCA

HARAS SANTA LUZIA DA ÁGUA BRANCA
HARAS SANTA LUZIA DA ÁGUA BRANCA: VENCEDORES INTERNACIONAIS EM TRÊS CONTINENTES

albatroz bloodstock agency, Inc.

albatroz bloodstock agency, Inc.
albatrozusa@yahoo.com

quarta-feira, 10 de maio de 2017

PONTO CEGO: PAPO DE MARCIANO?


Sei que cada ano é diferente. Mas fico orgulhoso que o Flamengo não conheça aquilo que é chamado caridosamente de serie B. Este última temporada, privou os colorados de dizer o mesmo, e a derrota para o pequeno Novo Hambugo, faz-nos pensar que não será tão simples estar de volta ao grupo especial, ano que vem. Dá para comparar a folha salarial entre o Novo Hamburgo e o Internacional? Ou o peso das camisas? Mas talvez o que este pequeno clube da área metropolitana de Porto Alegre, foi a utilização de um técnico que elevou anteriormente o Caxias de volta, e agora conquista um campeonato estadual. Enquanto isto, a diretoria do Internacional, seleciona e contrata treinadores inimagináveis, completando este desvairado desatino, com um atual, que chuta adversários, finge ser alvo de agressões e que como um dos anteriores, Argel, consegue ver um jogo completamente diferente do que os lucidos viram. Falcão, Roth, Liska, Argel e Zago são quatro cavalheiros do apocalipse que na história do futebol colorado são cinco. Ademais, perder três penaltys sequenciais,  numa decisão, provam apenas que nem controle mental existe na atualidade. Resumo da ópera: um futebol que tem Portalupe e Zago, como treinadores dos mais importantes times, são unevitavelmente a garantia que uma zebra poderá vir a a contecer e o prenuncio da queda do futebol ga]ucho. Ela parece estar eminente.

Não tive a oportunidade de comparecer a Cidade Jardim, e assitir a maior festa paulista, mas marcar este importante fim de semana, para o mesmo do Kentucky Derby, não me parece ser das idéias mais inteligentes. Acho que como no caso do Grande Premio Brasil, uma mudança deveria ser levada a efeito. Que tal, trazê-lo para duas semana antes?  O Florida derby que era disputado com muitos dias de antecedência antes do Knbtucky derby, descobriu que o Arkansas derby ganhava cada ano mais prestigio, e colhia mais resultados. Que fizerem seus responsáveis. Colocaram o Florida derby, mais perto e Orb e Always Dreaming, nestas úlrimas disputas, cofirmaram ser esta medida a certa.

Temos que visualizar o mundo. Não o nosso mundinho e sim o Mundo, composto de vários continentes e oceanos, mas que pertencem ao mesmo planeta. Logo o que afirmo, nada tem a ver com papo de marciano. Precisamos sim de adequar nosso calendário, ao calendário mundial. O mundo é maior que Rio e São Paulo. A Pegasus, colou, pois Stronach. seu idealizador, achou uma data que chamasse a atenção dos profissionais. Entre a Dubai Cup e a chamada the Road for the Roses. Somos obrigados a fazer o mesmo.

Esta mudança, possibilitaria de nas vendas de Cidade Jardim, houvesse o comparecimento de investidores internacionais. Principalmente, de treinadores. Temos que também adequar as condições sanitarias que o resto do mundo exige. Com estes dois pontos e tendo mercadoria a se oferecer, teremos uma chance de conquistar uma pequena prateleira nesta imensa vitrine. Será um longo e arduo caminho, mas que um dia terá que ser iniciado, E temos que gastar dinheiro, com convites a quem compra. Não a quem possa selecionar elementos para o primeiro e segundo dias de leilão. Se o preço recorde das vendas de São Paulo, veio no segundo dia, este ano, prova que a escolha foi errada de seu dia de venda. Ou será que isto é papo de marciano?