HARAS SANTA RITA DA SERRA - BRASIL

HARAS SANTA RITA DA SERRA - BRASIL
HARAS SANTA RITA DA SERRA - CLIQUE NA FOTO PARA CONHECER NOSSO PROJETO

HARAS REGINA

HARAS REGINA
HARAS REGINA - CLIQUE NA FOTO PARA CONHECER NOSSO PROJETO

HARAS FIGUEIRA DO LAGO

HARAS FIGUEIRA DO LAGO
HARAS FIGUEIRA DO LAGO - São Miguel, São Paulo

STUD H & R

STUD H & R
STUD H & R - TOQUE NA FOTO PARA VER UM UM GP. BRASIL QUE VAI FICAR NA HISTÓRIA

HARAS SANTA MARIA DE ARARAS

HARAS SANTA MARIA DE ARARAS
AEROSOL, MESMO DEVOLVIDO PROVOU SER CRAQUE: TOQUE NA FOTOGRAFIA E VENHA CONHECER O BERÇO DE CAMPEÕES

HARAS SANTA TEREZA DO BOM RETIRO

HARAS SANTA TEREZA DO BOM RETIRO
ONDE A VELOCIDADE IMPERA - CLIQUE NA FOTO PARA CONHECER NOSSO PROJETO

HARAS NIJU

HARAS NIJU
toque na foto para conhecer nosso projeto

HARAS SANTA LUZIA DA ÁGUA BRANCA

HARAS SANTA LUZIA DA ÁGUA BRANCA
HARAS SANTA LUZIA DA ÁGUA BRANCA: VENCEDORES INTERNACIONAIS EM TRÊS CONTINENTES

albatroz bloodstock agency, Inc.

albatroz bloodstock agency, Inc.
albatrozusa@yahoo.com

terça-feira, 20 de junho de 2017

PAPO DE BOTEQUIM: DE ONDE VEM A CLASSE DE UM CAVALO?

HOJE É DIA DA ABERTURA DE
ROYAL ASCOT


Senga vencendo o Prix de la Grotte

Sem imaginação, quase sempre não se chega a lugar algum, em se tratando de turfe ou criação de cavalos de corrida. Pelo menos em minha visão que como sempre pode estar comprometida com minhas crensas pessoais.

Por exemplo, dei minha opinião sobre o que penso que seja a razão principal da Oaks winner francesa Senga ser o que é, independentemente dela poder caracterizar-se como produto de uma junção de elementos com melhor desempenho, até aqui, no dirt. Ai recebo este recado, que falei, falei e não falei que ela é produto de um pai que descende de Special numa mãe que descende de Coupe de Folie, e que isto por si só - para aquele que escrevia - era um pedigree extraordinário e obrigatoriamente factível a grama.

Não há dúvida que uma estrutura baseada no cruzamento de descendentes por linhas baixas em Special e Coup de Folie, é extraordinário, e factível a grama. Outrossim, o pai de Senga só demonstrou alta qualidade no dirt e a mãe de Senga,  embora ganhadora de apenas uma carreira na grama, tem uma estrutura genética de dirt: A. P. Indy, Storm Cat e Mr. Prospector. Alguma dúvida para com o que foi dito? 


Blame, no dia mais infeliz da vida de Zenyatta

Senhores leitores, é obvio que qualquer bom corredor pode ter sua classe originada de quem quer que seja. De uma pai, de uma mãe, de uma estrutura genética, de uma determinada linha materna ou mesmo de alguém que sorrateiramente habita seu pedigree e não é sequer notado. Por isto, cabe ao analista tentar decifrar neste mapa, onde possivelmente possa estar enterrado o tesouro. Todavia, há algo chamado de lei das probabilidades, que não deve ser refutado, sob pena de você se enganar redondamente, Um exemplo no caso presente? Percentualmente se levarmos em consideração que o cruzamento entre pais descendentes de Special, em mães descendentes de Coup de Folie, acredito que haja uma muito menor incidência em provas de alto gabarito, do que aqueles que carregam em seus pedigrees o conjuto de imbreeds a que cognomino de tripé mágico. Isto me parece óbvio e acredito eu, difícil de ser rebatido. Mas estou sempre aberto a subsídios que me provem ao contrário.

Uma coisa é certa. Na visão da grande maioria do mercado um cruzamento de Blame em uma égua por A. P. Indy, o inspira a pensar que seria um animal de melhor aproveitamento no dirt do que na grama. Mas graças aos descendentes de Stravros Niarchos, foi provado que esta visão inicial de um animal de dirt, no caso de Senga, fosse derrubada. Ai eu pergunto se não foi o fator, tripé mágico a principal razão para tal? Não lhes parece mais factivel do que um entre um descendente de Special e outro de Coup de Folie. Com todo respeito que a mãe de Senga deva ter, Blame foi muito mais cavalo em corrida, embora até este argumento seja factível de controversias. Principalmente a mim, que acredito que apenas ao garanhão deva estar a obrigatoriedade de alguma classe em pista. Enfim, pode ser e pode não ser, mas uma coisa para mim é clara, percentualmente em provas de grupo este tripé me parece imbatível em relação a muitas, das demais estruturas vigentes.


Senga após sua consagração no Prix Diane


Ninguém é dono da verdade, mas quando você pesquisa e entra naquilo que considero o âmago de qualquer coisa, você descobre novas verdades, que muitas vezes não aparecem claras aos olhos de muitas pessoas. E estas verdades podem ser fantasiosas a muitos, mas não a aqueles que acreditam, que mais de três vezes é mais do que uma coincidência, ou produto da sorte.

Se não são muitos que vislumbram a luz, isto não quer dizer que não há luz, por, mais escuro que possa aparecer.