HARAS SANTA RITA DA SERRA - BRASIL

HARAS SANTA RITA DA SERRA - BRASIL
HARAS SANTA RITA DA SERRA - CLIQUE NA FOTO PARA CONHECER NOSSO PROJETO

HARAS REGINA

HARAS REGINA
HARAS REGINA - CLIQUE NA FOTO PARA CONHECER NOSSO PROJETO

HARAS FIGUEIRA DO LAGO

HARAS FIGUEIRA DO LAGO
HARAS FIGUEIRA DO LAGO - São Miguel, São Paulo

STUD H & R

STUD H & R
STUD H & R - TOQUE NA FOTO PARA VER UM UM GP. BRASIL QUE VAI FICAR NA HISTÓRIA

HARAS SANTA MARIA DE ARARAS

HARAS SANTA MARIA DE ARARAS
AEROSOL, MESMO DEVOLVIDO PROVOU SER CRAQUE: TOQUE NA FOTOGRAFIA E VENHA CONHECER O BERÇO DE CAMPEÕES

HARAS SANTA TEREZA DO BOM RETIRO

HARAS SANTA TEREZA DO BOM RETIRO
ONDE A VELOCIDADE IMPERA - CLIQUE NA FOTO PARA CONHECER NOSSO PROJETO

HARAS NIJU

HARAS NIJU
toque na foto para conhecer nosso projeto

HARAS SANTA LUZIA DA ÁGUA BRANCA

HARAS SANTA LUZIA DA ÁGUA BRANCA
HARAS SANTA LUZIA DA ÁGUA BRANCA: VENCEDORES INTERNACIONAIS EM TRÊS CONTINENTES

albatroz bloodstock agency, Inc.

albatroz bloodstock agency, Inc.
albatrozusa@yahoo.com

sexta-feira, 23 de junho de 2017

O FIGUEIRA DO LAGO 3




PAPO DE BOTEQUIM SCAT DADDY

Um Scat Daddy em mãe Galileo?

Se o primeiro dia foi da Godolphun, o segundo dos treinadores franceses, eu diria que o terceiro dia foi de Dubawi, cujo s filhos ganharam duas carreiras. Nãe tenho o menor resquicio de dúvida que Depois de Galileo, Dubawi e a melhor opção. Todavia não pode me passar a desapecebido que o resultado de Scat Daddy. até aqui, está se configurando de um brilhantismo incomum.

Tudo tem um preço. Por exemplo o preço Brasil composto dos principais problemas que antagonizam a competitividade de nossa produção como a alta carga tributaria, a infraestrutura quase inexistente, o custo elevado da mão de obra especializada dada a inflexibilidade das arcaicas leis trabalhistas. Num pedigree existe este mesmo custo. Na forma de uma linha baixa e de uma estrutura genética.

Quando você acha um raçador qie suplanta todas estas indiocricidades, você tem que ser agarrar a ele e explora-lo até que seja possivel. Isto diferencia Northern Dancer, mr. Prospector, Sadlers wells, Galileo, Danzig e Danehill. Eles se impoem de uma forma tão significativa, que extrapolam as leis da compatibilidade que deveria existir em todo o cuzamento.

Hoje Galileo, Dubawi, Tapit e Scat Daddy são quatro de um grupo não muito maior, de raçadores que dominam. Mas as vezes a gente não vê a luz a frente de seu próprio nariz. Eu mesmo pensei ,uito em adquirir duty uma filha de Galileo, cheia de Scat Daddy em nosso semestre. Fazia parte de um grupo de seis éguas cheias de Scat Daddy em hemisfério sul, sendo que quatro delas, filhas de Galileo. Pois bem, os responsáveis pelo Figueira de Lago se propuseram em comprar as quatro e e eu achei que apenas uma delas tinha gabarito de firmar-se reprodutivamente. Ledo engano. Scat Daddy é um prepotente e prepotentes na sua grande maioria das vezes, não dá bola para o útero a ser semeado.

Hoje vejo, o já desaparecido Scat Daddy, como uma oportunidade que passou abaixo de nossos narizes, sem que fosse notado. O Chile, se aproveitou da oportunidade e o legado que Scat Daddy por lá deixou, é inextimavel. Imaginem ter quatro Scat Daddys em quatro mães Galileo, prontas para estrear?

Quem escolher uma reprodutora, tendo como base apenas quem é o pai, me parece a principio um absurdo. Outrossim seu um reprodutor demonstrou tamanha prepotência como os citados anteriormente, vale a pena correr qualquer risco.

quinta-feira, 22 de junho de 2017

ELUSIVE QUALITY OUT


ROYAL ASCOT - DIA TRES






EUROPEAN LISTED


2017 Gold Cup - Big Orange - Racing UK

Hampton Court Stakes 2017

Norfolk Stakes 2017

Ribblesdale Stakes 2017

O FIGUEIRA DO LAGO 2





PAPO DE BOTEQUIM: O SEGUNDO DIA EM ROYAL ASCOT


O termo civilizado é utilizado como adjetivo qualificativo cujo intuito é designar aquelas pessoas ou atos que se caracterizam por estar dentro dos parametros normalmente entendidos como parte de uma civilização. As pessoas consideradas civilizadas são as que podem conviver com as outras em um meio social de acordo com as normas de comportamento que esta sociedade estabelece.

A Inglaterra é um pais civilizado, e quem lá vive, seja britânico, ou de outra nacionalidade se enquadra as normas vigentes. Ontem no meeting the Royal Ascot foi observado pela Rainha e os demais presentes um minuto de silência pelas vitimas dos últimos quatro atentados levadados a efeito em solo inglês. Vocês já tiveram a oportunidade de participar de um minute de silêncio, antes do inicio de uma partida de futebol? É onde a vaia e as cantorias se tornam mais intensas.

Ms não se pode pedir por civilidade em um pais que foi governado por Lula, Dirceu, Genoino, Josley Batista, Dilma, Emilio Odebretch. Seria pedir demais.

Fui a meu primeiro meeting em Royal Ascot no inicio dos anos 80 e confesso que me apaixonei. Nunca consegui levar um cavalo brasileiro por mim selecionado para participar deste meeting. Hard Buck, segundo colocado na mais importante carreira para os de todas as idades em solo britânico, o King George VI and Queen Elizabeth stakes, participou de outro meeting, não menos importante tecnicamente, mas inferior em termos sociais.

Se o primeiro dia de Royal Ascot para muitos pertenceu a Godolphin, eu diria que o segundo funcionou muito bem para os treinadores sediados na França, Fabré e Rouget. Eles levaram duas das quatro corridas, tendo que para tal atravessar o canal com seus pupilos. Highland Reel era a crava do dia. Afinal, não é todo dia que um ganhador da Breeders Cup Turf, do King George, da Coronation Cup, Hong Kong Vase e segundo no Arco, aterrisa no Prince of Wales Stakes (Gr,1). Existe cavalos que sobram numa carreira, eu diria que no caso de Highland Reel, ele simplemente pertencia ontem a outra carreira. Mas no frigir dos ovos, a coisa não foi tão simples assim.

Ele acompanhou a carreira e parecia que na reta se despreenderia dos demais. mas não foi bem assim. Até 100 metros do disco tinha apenas cabeça, mas a partir dai os outros cansaram e ele se manteve. Que quero dizer? Que o craque não cansa? Ao contrário, ele talvez seja o que mais se canse, mas não se entrega. Se supera e por isto é um diferenciado.

O fato de ser um Galileo - que finalmente deu o ar de sua graça como pai - em mãe Danehill, já dá para dimensionar o tamanho do barulho. Ser filho de uma filha de uma oaks winner australiana, também ajuda. Agora ser imbreed em Northern Dancer, em Buckpasser e ter uma linha de Mr. Prospector, o faz quase portador do tripé mágico e aqui entre nós, eu acho que isto faz uma grande diferença. Posso estar errando. Eu duvido, mas aceito que outros não se convençãm, principalmente pela estrutura genética que se apresenia no pedigree de Highland Reel.

Acho dificil que ele deixe passar seu segundo King George, mas cavalo é momento, e naquele dia ele tem que ser Highland Reel, pois segundo o escritor britânico Terry Pratcher, podem ser 7,000 anos, mas mesmo assim, tem que ser viver um dia de cada vez.




O QUE VEM POR AI: AMANHA EM ROYAL ASCOT






O QUE VEM POR AI: SABADO NOS ESTADOS UNIDOS



O QUE VEM POR AI: SABADO NA AUSTRALIA


ACONTECEU NO CHILE


quarta-feira, 21 de junho de 2017

The Queen Mary Stakes Heartache

The Jersey Stakes Le Brivido

The Duke Of Cambridge Stakes Qemah

The Prince Of Wales's Stakes Highland Reel

PRINCE OF WALES STAKES

O DUKE OF CAMBRIDGE STAKES

O campo da milha para as quatro anos e mais do Duke of Cambridge Stakes (Gr.3) me pareceu pequeno, mas altamente clássico. Embora para mim, a simples presença de Qemah, desequilibrasse um pouco.

Qemah igualmente treinada na França, só que por Jean-Claude Rouget, tinha ainda a vantagem do conhecimento da pista, pois, ganhou no ano anterior o Coronation Stakes (Gr.1) nesta mesma pista. Não acho que sua vitória tenha demonstrado a supremacia que ela teria que ter. Talvez sua preparação tenha faltado um pouco de seriedade, mas levando-se em consideração, que o barn de Rouget foi acometido de uma epidemia de gripe. Ela foi trazida como leite no pires.

Mas trocando em miudos, a filha de Danehill Dancer, tem pedigree para mais distância, já que é inbreed em Northern Dancer e sua mãe é pelo ganhador do Arco Rainbow Quest numa terceira mãe pelo Derby winner, Roberto. Eu diria que Aljazzi, uma imbreed em Northern Dancer, Mr. Prospector e Blushing Groom, até aqui uma mera ganhadora de listed race, finalmente achou sua melhor forma. A filha de Shahmardal promete. Marquem seu nome.

Foi a quinta vitória de Qemah, em 10 apresentações e com o cuidado que está sendo levada, sua vida atlética me parece longa.


O QUEEN MARY STAKES

Estão pensando em trocar o nome do kilômetro do Queen Mary stakes (Gr.2), por Wesley Ward Stakes, já que parece ele ter tomado esta carreira de roldão. Vencedor desta carreira com cavalos trazidos dos Estados Unidos,  nas duas últimas versões desta carreira, - Acapulco e Lady Aurelia - ele teria este ano outra potranca, Happy like a Fool, mas que enfrentaria a 22 adversários. Para uma prova, mesmo em reta, disputada por 23 dois anos, a largada e o pace se tornam de suma importância

Seria Wesley Ward capaz de igualar a marca do grande Fred Darling, que em 1932, 1933 e 1934 ganhou este carreira de forma consecutiva? Olhando os cavalos no paddock, eu acreditei que sim, pois, Happy Like a Fool, era o único concorrente formado fisicamente. E isto faz a diferença.

Mas na verdade não fez, já que Happy Like a Fool, que liderou toda a carreira, cedeu a vitória a Heartche, que demonstrou um instigante burst of speed.

Heartache pagou 5-1 e não me pareceu ser uma sprinter, embora seja uma filha do transmissor de velocidade Killachy, produto de um flyer, Pivotal, em outro transmissor de tremenda velocidade Song. Mas a forma como veio no final, me faz crer que possa ir aos 1,400 metros e quem sabe até a milha, pois seu imbreed no Derby winner Crepello, assim o diz.

Wesley Ward continua com três vitórias nesta carreira, mas não conseguiu sua terceira em seguida, que se constituiria na quarta em seu excepcional curriculo. Mas com todo o respeito uma coisa e encarar os europeus com Scatty Daddy, outra bem diferente com Distorted Humor. Outrossim, que me perdoem os Todd Pletchers e os Kenny McPeeks da vida, mas ganhar em Royal Ascot necessita algo a mais.




O JERSEY STAKES

Depois de uma tarde que foi um dia que a familia Maktoun não vai esquecer e que a Coolmore tranquilamente gostaria de esquecer, a pista continuava fast. A mesma pista que no dia anterior foi responsavel pela queda de três records, receberia em sua primeira prova, o volumoso Jersey Stakes (Gr.3), que este ano trazia nada menos que 20 concorrentes e entre os quais um que na minha opinião poderia estar tranquilamente enfrentando a turma do St. James Palace stakes, Le Brivido

O Jersey Stakes, uma carreira para os três anos que não tenham ganham até aqui provas de graduação 1 e 2, por seu baixo prêmio, de maneira alguma pode ser visto apenas como uma prova de consolação. Ribchester ano passado venceu esta prova e este ano anda brilhando no patamar mais alto do calendário britânico. E para mim, mesmo com o grande número de pretencentes a carreira estaria entre o ferancês Le Brivido e o filho de Frankel da Godolphin, Dream Castle

Mas uma coisa eu aprendi aqui na Inglaterra. Quando Andre Fabre atravessa o canal, ele dificilmente sai de mãos abanando. Para mim, trata-se do maior treinador da atualidade. E Le Brivido, embora não tenha aquele pedigree que me encante, seu pai Siyoni é imbreed em Northern dancer e Le Brivido o é em Mr. Prospector, e possui um linebreed ma razão 6x6 em Buckpasser. Não seria quase um tripé mágico?

Le Brivido teve que lutar muito e demonstrar muita persistência para bater ao membro da comunidade que custou desmamado à Coolmore US$850,000 em Novembro em Keeneland, e que tinha cabeça à sua frente com menos de 100 metros a ser vencidos. Os demais chegaram longe, inclusive Dream Castle, na quinta colocação.

A carreira foi disputada em 1,400m e notou-se que era pouco chão para o representante francês. Portanto, não será para mim, nenhuma supresa, se Le Brivido comparecer novamente a Ascot, quando da disputa da milha do Queen Elizabeth stakes (Gr.1), Com três vitórias e um segundo em apenas quatro apresentações, creio que ele poderá fazer estragos, mesmo deste lado do canal, coisa que André Fabre gosta de fazer.






THOROUGHBRED DAILY NEWS



VOCE PODE SER PARTE DISTO


INGLIS



coventry stakes 2017

The St James's Palace Stakes Barney Roy

The Queen Anne Stakes Ribchester

The King's Stand Stakes Lady Aurelia

O FIGUEIRA DO LAGO











PAPO DE BOTEQUIM: O PRIMEIRO DIA DE CORRIDAS EM ROYAL ASCOT




Barney Roy

Como disse anteriormente, o britânico é capaz de apostar em tudo. Eu não jogo. Não por promessa ou respeito a religião. Simplesmente acho muito mais graça em assistir a uma corrida e analisa-la de uma forma neutra, do que torcer por aquele em que pus meu dinheiro. Durante anos frequentei o circuito Epson, Chantilly. Royal Ascot e Longchamp e fiz algumas amizades, principalmente entre a turma que trabalha na imprensa. Neste grupo existem varios bolões. Tento participar de todos, mesmo à distância. 

Este ano, rolou um bolão que reunia os ganhadores dos Guineos ingleses e irlandeses, do St. James Palace Stakes, no Queen Elizabeth II Stakes e do Sussex Stakes, do qual participei, colocando como minha escolha Churchill. A gente faz a escolha, após a disputa dos 1,400m do Dewhurst stakes, em Newmarket, quando os potros ainda são dois anos. E eu coloquei Churchill de fio a pavio, não dando a minima bola, sobre a proximidade entre os guineos irlandeses e o St. James.  Eu tinha plena cpnvicção que ele não daria bola a seus adversarios. Moral da história, quebrei. E quebrei achando até o último minuto que Churchill iria vencer o St, James, me dar três pontos e nas duas últimas correr para o abraço. Errei e explico o porque. Por simples exclusão. E não pode se excluir alguém como Barney Roy, que em cinco carreiras ganhou até aqui, quatro.


Lady Aurelia

Barney Roy foi triturado por Churchill nos Guineos ingleses e Thunder Snow na versão irlandesa, depois de uma desastrosa participação no Kentucky derby. Sobrava então apenas o faixa de Churchill, Lancaster Bomber e como Aiden O'Brien domina esta carreira e Churchill é um filho de Galileo, na segunda colocada do Queen Mary de Royal Ascor e ainda por cima filha de Storm Cat, onde poderia estar o furo? Se um raio caisse em sua cabeça ou alguém usa-se uma arma de fogo, ai sim, ele poderia sucumbir. Como o dia nasceu com muito sol e ninguém postava uma arma de fogo... Moral da história, me achava acima do bem e do mal. Quebrei não porque achasse que iria ganhar, mais sim porque achava impossível de perder.

Barney Roy, sempre um corpo a frente de Churchill, aumentou ainda mais a distância para o favorito, porém Thunder Snow e Lancaster Bomber, que até 200 metros do disco pareciam que iam disputar a vitória, completaram, aquilo que foram as três primeiras colocações, com o meu Churchill em quarto.

Barney Roy é um filho de Excelebration, aquele que deu azar de de correr cinco vezes contra Frankel, sendo quatro vezes segundo e uma vez terceiro, mas que fugindo de seu adversário foi capaz de vencer três provas de grupo 1, o Jacques le Marois e o Prix de l'Abbaye de Longchamp na França e o Queen Elizabeth II Stakes.

Excelebration é um filho do australiano Exceed and Excel, e a mãe de Barney Roy, uma Galileo , perdedora, neta da confirmadora e ganhadora de grupo, Cheyenne Star. Logo pedigree não lhe falta. Outrossim, diria que não lhe sobra. Porém tem uma forte capacidade locomotora, mas algo me diz que Churchill revirará esta mesa, no Queen Elizabeth II ou no Sussex Stakes. 


Ribchester

A força australiana, estava presente também no pedigree de Rajasinghe, o vencedor do Coventry Stakes. Trata-se da junção de um sprinter, Choisir que vi pessoalmente ganhar duas provas de grupo 1 na mesma semana em Royal Ascotcom um miler, Soviet Star (Nureyev), sendo que sua segunda mãe, é uma irma materna de nosso conhecido St. Chad, e ganhadora dos 1,000 Guineos de Newmarket, Caerwrle.

Se existe alguém que poderia estar no caminho de Churchill, quando as gerações fossem misturadas, este alguém em minha opinião era Ribchester, que venceu, sem risco o Queen Anne Stakes (Gr,1), na abertura deste ano de Royal Ascot. Ribchester alcançou na maturidade uma melhor perfiormance, eu só não sei, se por qualidade própria ou pela fragilidade de seus concorrentes. Esta foi a sua sexta vitória, em 13 saidas as pistas.

Trata-se do supreendente Iffraaj, inferior em pista a seu pai Zafonic, mas superior ao mesmo no breeding-shed. Sua mãe, igualmente perdedora, é uma filha do ganhador do St. James Palace Stakes e segundo no Derby, Marju que conta como ponto de maior força, ser uma descendente direta da excepcional Fall Aspen.

E completando o primeiro dia, chegou a hora de se falar de Lady Aurelia. Que potranca excepcional. Seis corridas e cinco vitórias, sendo duas delas em Royal Ascot. Trata-se de uma filha de Scat Daddy, que para mim foi um garanhão sublime que deixou saudades, nos Estados Unidos, na Europa, no Chile, resumindo quase no mundo inteiro. A vitória de Lady Aurelia no King's Stand States foi contundente. Indiscutivel. Ela sobrou na turma e olha qu sobrar neste meeting, é coisa dificil de se conseguir.

Quanto as duplicações, a palavra deixo com os defensores dos pedigrees escancarados

Lady Aurelia: Northern Dancer 5x5, Storm Cat 4x3 e Raise a Native 4x5
Barney Roy: Natalma 6x6x5x6, Northern Dancer 5x5x4x5 e Danzig 4x4
Ribchester: Northern Dancer 5x4x5x5, Nureyev 3x4
Rajasinghe: Natalma 6x6x5 e Northern Dancer 5x4




ESTATÍSTICA DE CLASSICISMO


O QUE VEM POR AI: TERCEIRO DIA EM ROYAL ASCOT




O QUE VEM POR AI: JÁ TUDO PRONTO PARA A GRANDE FESTA SUL-AFRICANA


terça-feira, 20 de junho de 2017

O ST.JAMES PALACE STAKES


ROYAL ASCOT - DAY ONE

Uma caracteristica do povo britânico e apostar em qualquer coisa, seja a cor do chapéu da rainha, como o cavalo que vai chegar em quarto lugar no St. James Palace stakes. O que os britânicos esqueceram de colocar em suas apostas é que a temperatura de Royal Ascot possa chegar, a mais de 35%. E chegou. Nada igual desde 1995, onde eu me encontrava presente para ver Bahri ganhar o St. James Palace stakes, com nosso conhecido Vettori na terceira colocação. Outro fator foi Frank Dettori não montar no primeiro dia e ser substituido por Johnny Velasquez, que chegou terça pela manha, junto com Todd pletcher.

Mas aqui vão os três aperitivos para o St. James Palace Stakes (Gr.1)