HARAS SANTA RITA DA SERRA - BRASIL

HARAS SANTA RITA DA SERRA - BRASIL
HARAS SANTA RITA DA SERRA - CLIQUE NA FOTO PARA CONHECER NOSSO PROJETO

HARAS REGINA

HARAS REGINA
JOLIE OLIMPICA BRAZILIAN CHAMPION 2YO - HARAS REGINA - CLIQUE NA FOTO PARA CONHECER NOSSO PROJETO

HARAS FIGUEIRA DO LAGO

HARAS FIGUEIRA DO LAGO
NEPAL GAVEA´S CHAMPION 2YO - HARAS FIGUEIRA DO LAGO - São Miguel, São Paulo

STUD H & R

STUD H & R
STUD H & R - TOQUE NA FOTO PARA VER UM UM GP. BRASIL QUE VAI FICAR NA HISTÓRIA

HARAS SANTA MARIA DE ARARAS

HARAS SANTA MARIA DE ARARAS
Santa Maria DE ARARAS: TOQUE NA FOTOGRAFIA E VENHA CONHECER O BERÇO DE CAMPEÕES

HARAS ESTRELA NOVA

HARAS ESTRELA NOVA
Venha nos conhecer melhor no Instagram @haras.estrelanova.

HARAS NIJU

HARAS NIJU
toque na foto para conhecer nosso projeto

HARAS FRONTEIRA

HARAS FRONTEIRA
HARAS Fronteira

HARAS CIFRA

HARAS CIFRA
HARAS CIFRA - HALSTON POR MARILIA LEMOS

HARAS IGUASSU

HARAS IGUASSU
HARAS IGUASSU A PROCURA DA VELOCIDADE CLÁSSICA - Foto de Karol Loureiro

albatroz bloodstock agency, Inc.

albatroz bloodstock agency, Inc.
albatrozusa@yahoo.com

sexta-feira, 13 de novembro de 2020

PONTO CEGO. O DERBY E O DIANA PAULISTAS POR MARCEL BACELO



 

O segundo dia do ano mais importante para o Hipódromo de Cidade Jardim, São Paulo, será neste fim de semana, neste próximo sábado. Teremos bons embates em pista, um tira teima no GP Diana e uma disputa aberta, na minha opinião, no Derby Paulista que este ano terá campo cheio, 15 competidores.
 
Começando pelo GP Diana, o tira teima deve ser de muita emoção, me refiro as duas ótimas potrancas Fast Jet Court e In Society. A filha de Put It Back, In Society, criação Santa Maria de Araras e propriedade de Bet Gold Stud, vem de vitória no GP Henrique de Toledo Lara GI, 2ª prova da tríplice coroa. Ela já tinha uma vitória muito importante quando conquistou a Taça de Prata GI, mas ela colocou “uma pulga atrás da orelha” quando na última carreira, venceu a potranca Fast Jet Court, esta tida como melhor potranca Paulista da geração 2017 até então. Será que tem “repeteco” nesse Tira Teima?
 
Já Fast Jet Court, que perdeu a chance de se tornar tríplice Coroada Paulista, pois ganhou o GP Barão de Piracicaba GI e foi 2° no GP Henrique de Toledo Lara GI conta com a faixa Got Court, que além de boa potranca,  faz com perfeição o papel de faixa. Certamente as potrancas do Haras Cima vão buscar ponta e dupla no GP Diana.
 
Convém respeitar Life Is Beautiful, vem de 2° e 3° lugares nas duas primeiras provas da tríplice coroa Paulista, além de 3° Lugar na Taça de Prata, vem sempre “batendo na trave” nas provas de GI da geração. Interessante também ficar de olho nas duas potrancas que vem de 1° e 2° lugares na prova preparatória, a Prova Especial Riboletta em 2.000m grama, respectivamente Texxana e Fiona do Jaguarete, somente as duas no campo da prova já disputaram na distância do GP Diana, onde Texxana além da vitória na preparatória, conta com outra vitória na turma na distância de 2.000m, está adaptada na distância. Olho nelas!!!
 
No Derby Paulista, com 15 competidores, muitos deles chegando na distância pela primeira vez, correndo com duas curvas e num train de carreira bem mais lento do que encontraram até agora, poderemos ter surpresas quanto ao ganhador da versão 2020. O chamado “Páreo de Quadrifeta” pois deve pagar excelentes rateios.
 
Vencedor da primeira prova da Triplice Coroa Paulista, falamos do GP Ipiranga GI, falamos do potro Lionel The Best que assombrou a todos com sua vitória, já na segunda prova, o GP Jockey Club de São Paulo GI decepcionou por completo chegando na 9ª posição. Agora conta com o experiente jóquei J. Ricardo e busca a reabilitação. O potro Will Myers, ganhador da segunda prova parece ter gostado do aumento de distância e deve chegar como provável favorito dos apostadores.
 
Vindo com boas corridas no GP Jockey Club de São Paulo GI, 2°, 3° e 4° lugares, respectivamente os potros Jobster, Zabar’s e Rubirosa que chegaram praticamente a 3 corpos do ganhador Will Myers, tem  condições de levarem a vitória do Derby Paulista para casa. Vale destacar também os potros Post Sugar e Grande Kiko, 2° e 3° lugares na preparatória, no Clássico Emerson disputado em 2.400m grama, que já possuem experiência na distância e tem plenas chances de sagrarem-se vencedores na prova. Ainda como possível surpresa, o potro Izzi Bizzi que chegou a ser um dos líderes aos 2 anos da geração 2017 Paulista, parou por 5 meses para “reparos”, voltando direto no GP Jockey Club de São Paulo GI, onde finalizou na 6° posição a 3 ½ corpos do ganhador. Deve chegar bem mais aguerrido ao Derby.

 A prova conta ainda com dois “forasteiros” do Haras Regina, a dupla filha de Agnes Gold de nomes Olympic Kremlin e Olympic Korchnoi, o primeiro vindo de um 4° lugar chegando a 1 ¼ de corpo do ganhador do GP Linneo de Paula Machado GI. O segundo vem de vitória na turma, ambas corridas no hipódromo da Gávea. O Haras Regina quando vem da Gávea, não costuma “perder a viagem”.

 Devemos ter um Tira Teima no GP Diana entre In Society e Fast Jet Court e no Derby em aberto com pelo menos 6 a 7 nomes que qualquer um deles que ganhar, não poderá ser considerado como surpresa.

 Excelente Diana e Derby paulistas a todos, que vença os melhores.

 Abraço Virtual

 Marcel Bacelo