HARAS SANTA RITA DA SERRA - BRASIL

HARAS SANTA RITA DA SERRA - BRASIL
HARAS SANTA RITA DA SERRA - CLIQUE NA FOTO PARA CONHECER NOSSO PROJETO

HARAS REGINA

HARAS REGINA
HARAS REGINA - CLIQUE NA FOTO PARA CONHECER NOSSO PROJETO

HARAS FIGUEIRA DO LAGO

HARAS FIGUEIRA DO LAGO
HARAS FIGUEIRA DO LAGO - São Miguel, São Paulo

STUD H & R

STUD H & R
STUD H & R - TOQUE NA FOTO PARA VER UM UM GP. BRASIL QUE VAI FICAR NA HISTÓRIA

HARAS SANTA MARIA DE ARARAS

HARAS SANTA MARIA DE ARARAS
AEROSOL, MESMO DEVOLVIDO PROVOU SER CRAQUE: TOQUE NA FOTOGRAFIA E VENHA CONHECER O BERÇO DE CAMPEÕES

HARAS SANTA TEREZA DO BOM RETIRO

HARAS SANTA TEREZA DO BOM RETIRO
ONDE A VELOCIDADE IMPERA - CLIQUE NA FOTO PARA CONHECER NOSSO PROJETO

HARAS NIJU

HARAS NIJU
toque na foto para conhecer nosso projeto

HARAS SANTA LUZIA DA ÁGUA BRANCA

HARAS SANTA LUZIA DA ÁGUA BRANCA
HARAS SANTA LUZIA DA ÁGUA BRANCA: VENCEDORES INTERNACIONAIS EM TRÊS CONTINENTES

albatroz bloodstock agency, Inc.

albatroz bloodstock agency, Inc.
albatrozusa@yahoo.com

quinta-feira, 26 de janeiro de 2017

PONTO CEGO: RESPEITAR OS PEDIGREES

Pedigrees bem ordenados, quando menos se espera, funcionam. Um dia na Irlanda, liguei para o Stefan e disse ter visto uma potranca que eu achava que poderia ser clássca. Aquele caso que já expliquei de sentimento e conhecimento. Ela era linda, tinha um pedigree que me agradava e de alguma forma havia me comprado. Adquirimos, levamos ela para os Estados Unidos, onde ela estreou e ganhou por sete corpos.

O Stefan se empolgou e como ela trazia um nome por ele dado em homenagem a sua esposa, quiz trazer para o Brasil, pois, queria a ganhar o OSAF. Ela veio e nada fez, sob um sistema de treinamento brasileiro. Simplemente perdeu aquela sua vontade de ganhar.

A potranca se chamava Estrela Dalva. Era um filha de Spectrum (Irish 2,000 Guineas e Champion Stakes), numa mãe Deploy (2nd Derby), El Gran Senor (2,000 Guineas e irish Derby), Blushing Groom (Poule d'Essai des Poulains) e Nodouble (Arkansas Derby), logo, um pedigree altamente clássico e consubstanciada da milha aos 2,000m. 

O Mauro Silva, que acompanha as corridas com atenção, me telefonou e comentou sob a corrida de um filho de Estrela Dalva, Great Canal. Fui ao video. Ele largou muito mal, fez o percurso por fora de todos e foi se não me engano terceiro. Um pouco distanciado dos dois primeiros. Uma corrida que na minha opinião não valeu, mas que já determinou que Great Canal quando entrar em suas distância, vai se mostrar. Ademais, seu pai é a união de dois milheiros alongados, um não tão bom, outro espetacular. Isto seria respeitar um pedigree.

Se houver respeito por parte do treinador, um maior respeito ao que seu pedigree diz, ele pode crescer e já ganhar na próxima c arreira. Será um craque? Ainda não posso dizer, mas parece que será um cavalo acima da média. Voltei a adquirir Estrela Dalva, quando ela foi oferecida no leilão de liquidação do Estrela Energia para um grupo que iniciou uma operação de criação. Acredito que ela esteja cheia de reprodutores superiores ao pai de Great Canal. Agora o que torna realmente importante de se frisar, é que genéticamente Estrela Dalva é um ser superior. Se souberem como explorar isto, ela produzirá um cavalo de exceção, que poderá ser Great canal, ou outro qualquer.