HARAS SANTA RITA DA SERRA - BRASIL

HARAS SANTA RITA DA SERRA - BRASIL
HARAS SANTA RITA DA SERRA - CLIQUE NA FOTO PARA CONHECER NOSSO PROJETO

HARAS REGINA

HARAS REGINA
HARAS REGINA - CLIQUE NA FOTO PARA CONHECER NOSSO PROJETO

HARAS FIGUEIRA DO LAGO

HARAS FIGUEIRA DO LAGO
HARAS FIGUEIRA DO LAGO - São Miguel, São Paulo

STUD H & R

STUD H & R
STUD H & R - TOQUE NA FOTO PARA VER UM UM GP. BRASIL QUE VAI FICAR NA HISTÓRIA

HARAS SANTA MARIA DE ARARAS

HARAS SANTA MARIA DE ARARAS
AEROSOL, MESMO DEVOLVIDO PROVOU SER CRAQUE: TOQUE NA FOTOGRAFIA E VENHA CONHECER O BERÇO DE CAMPEÕES

HARAS SANTA TEREZA DO BOM RETIRO

HARAS SANTA TEREZA DO BOM RETIRO
ONDE A VELOCIDADE IMPERA - CLIQUE NA FOTO PARA CONHECER NOSSO PROJETO

HARAS NIJU

HARAS NIJU
toque na foto para conhecer nosso projeto

HARAS SANTA LUZIA DA ÁGUA BRANCA

HARAS SANTA LUZIA DA ÁGUA BRANCA
HARAS SANTA LUZIA DA ÁGUA BRANCA: VENCEDORES INTERNACIONAIS EM TRÊS CONTINENTES

albatroz bloodstock agency, Inc.

albatroz bloodstock agency, Inc.
albatrozusa@yahoo.com

domingo, 2 de abril de 2017

PONTO CEGO: UMA ROSA É UMA ROSA É UMA ROSA

GLADIADOR ACTEON
SUA MÃE FOI SELECIONADA E ADQUIRIDA PELA ALBATROZ
ASSIM COMO A RESPONSABILIDADE DE SEU CRUZAMENTO
PARABENS AS SUAS CONEXÕES

Na hora eu pensei tratar-se de uma pergunta sem nexo, outrossim, ao responder senti que a pergunta feita a mim, tinha muito nexo. Quando estive recentemente no Brasil, alguém, que não conhecia, me abordou e me perguntou respeitosamente qual o estilo que seguia, escrevendo minhas crônicas. E eu respondi, que meu estilo era na verdade não ter estilo. 

Muitos cronistas montam frases, infinitamente mais bem construídas que as minhas. Porém, eu, em minha defesa, comento que escrevo da forma como os pensamentos veem â minha mente. Escrevo o que penso, e não aquilo que politicamente estaria mais correto. Logo, não deixa de ser um estilo, o simples fato de não ter um estilo.

UMA ROSA É UMA ROSA É UMA ROSA

Alguém poderia, em sã consciência acusar a norte-americana Gertrude Stein, patrona dos primeiros grandes artistas da primeira metade do século passado, de ter uma inexorável aversão as virgulas? Porém, sua frase ficou para a história. Acredito que este fosse seu estilo, que para muitos não era, assim por dizer, politicamente correto.

Eu gostaria de ter a capacidade de trazer as aberrações a realidade da vida, como Nelson Rodrigues, ou a fleuma sarcástica de Paulo Francis, ou quem sabe, o perfeito português vernacular de Machado de Assis. Mas não tenho, E o pior não reviso os textos, Os publico, como saem de minha mente, pois, se os releios, tenho a tendencia de consertar a estrutura da frase e acabo publicando algo que na verdade não é o papo que gostaria de ter num botequim.

Não tenho o menor resquicio de dúvida que No Regrets é o elemento que mais chama a atenção na atual temporada. será triplice coroada. Quem duvidar, coloque as suas barbas de molho. Mas depois? Sair de uma triplice coroa e enfrentar os machos na milha e meia do GP. Brasil, exide, algo, que acredito que No Regrets possa ter, mas terá que provar.

Daffy Girl chegou ao Brasil vista como impossível de ser batida, E foi. Concordo que ela não estava no pico fisico que deveria estar e talvez por isto, tenha fracassado. Este é o ponto. Porisso pergunto como chegará fisica e psicologicamente No Regrets ao Grande Prêmio Brasil, depois de uma triplice coroa e uma preparação para enfrentar machos na milha e meia?

Gladiador Acteon e Huber, - até que no derby algo apareça - são os cavalos que parecem fresh e adequados a distância. Ambos filhos de Acteon Man - que já provou que stamina nunca foi o problema - duplicados em linhas maternas na consagrada Key Bridge, em cruzamentos estudados para tal.

Seriam estas observações efusões de romancismo? Paralelepipidos hão de chover de todos os lados. Afinal, não deixa de ser um bestialógico academico imaginar que alguém possa hoje ganhar de No Regrets. Hoje eu diria que sim. Em Junho, e ajustada em treinamento rigoroso para enfrentar os machos eu tenho o direito de ter pelo menos, a dúvida. Pois, emerge de uma acumulação de concretudes que edificaram minha carreira, que nãu admite efusões ramancescasm quanto mais adjetivas.

O H e R já se desfez das duas mães, mas teve o cuidado de antes adquirir duas outras éguas - na diminuição de plantel do Old Friends - que fazem esta duplicação em Key Bridge. Objetivando assim, ter algo similar em estrutura genética.

Seria esta a razão? Acredito que possa ser uma delas, de um somatório de razões, pois, para mim, se trata de um insulto à inteligência, sequer imaginar que duplicar um égua que se consagrou na produção de quatro elementos de exceção, no cenário mundial, venha a se constituir numa mera coincidência.

Um leitor escreveu algo que representa bem este pensamento aqui descrito. Segundo o Marcel Bacelo, quem tem projeto sabe aonde chegar... Quem não tem, chegar em qualquer lugar está bem...

Portanto, se alguém lhe disser que uma rosa é uma rosa é uma rosa, mesmo que o faça sem uso das virgulas, mantenha-se atento, pois, algo de grande pode estar marcado para acontecer. Algo de grande com Gladiador Acteon e Huber. Algo como um cheirinho de Grande Prêmio Brasil...